Passo a Passo: Como realizar uma Cantata de Natal

O Natal é uma época do ano cheia de expectativas! É a oportunidade de comemorar o nascimento de Jesus Cristo e renascer com Ele em fé, esperança e caridade.

Natal é o momento de retomada dos valores cristãos que, infelizmente, parecem ser ignorados ou esquecidos devido à lógica capitalista e comercial.

O mês de dezembro é repleto de festividades de Natal e quanto mais se aproxima o dia 25 de dezembro, maior a correria para preparar as celebrações de Natal nas igrejas.

Todos os anos, igrejas do mundo todo organizam lindas Cantatas de Natal que têm o poder de emocionar todas as idades e oferecer momentos de união das comunidades e famílias.

Muitos acreditam que uma cantata de Natal é algo complexo de organizar e presente apenas nas igrejas ou organizações musicais, com grandes corais e cantores profissionais. Porém, você pode sim realizar uma Cantata de Natal na sua igreja e hoje vamos compartilhar o passo a passo para te ajudar.

Passo 1: Escolha o repertório da cantata

O primeiro passo para realizar uma Cantata de Natal é selecionar o texto que você usará como base para o espetáculo.

A cantata é uma história contada por meio de canto recitado e refrões com um coral de música clássica.

As Cantatas de Natal geralmente contam a história do nascimento do menino Jesus. Porém, o espetáculo pode contar outras histórias, sendo elas bíblicas, fictícias ou até mesmo de alguém da comunidade, mas que tenham o objetivo de resgatar o verdadeiro espírito do Natal.

Pode ser apenas uma música, ou dez, fica a seu critério. A quantidade de músicas vai depender do tempo disponível para duração da cantata.

Sua Cantata de Natal pode ser inteiramente sem encenação e apenas com os cantos ou ser teatral como uma ópera completa!

Se você não tem muita experiência com cantatas, apresentações em corais ou até mesmo com música, dê preferência para músicas mais fáceis, populares e curtas, com quase nenhuma divisão de vozes, deixando os próprios integrantes se organizarem de acordo com as habilidades deles.

Passo 2: Faça uma lista de participantes

O segundo passo é fazer uma lista das pessoas interessadas em participar.

As Cantatas podem ser de crianças, adolescentes, jovens ou adultos. Você também pode mesclar os participantes e até mesmo envolver toda a igreja.

Reúna as pessoas para participarem da cantata. Você vai precisar de:

  • Músicos;
  • Cantores;
  • Equipe de som;
  • Equipe de criação de cenário e figurino;
  • Atores;
  • Um diretor-geral.

Cantatas que envolvem muitas pessoas na organização tendem a lotar a igreja no dia do espetáculo, pois cada participante convida familiares e amigos.

Dependendo do perfil dos membros de sua igreja e de quanto recurso financeiro você terá disponível, você pode fazer uma cantata mais complexa, com maestro e orquestra.

Se isto está fora da realidade de sua igreja, então a equipe de louvor pode preparar uma seleção de canções e fazer a parte musical com banda da igreja. Os demais participantes podem ficar responsáveis em te ajudar com as demais funções da cantata, como o figurino, cenário, roteiro e atuação.

Acima de tudo, o importante é que tudo deve ser adaptado de acordo com a sua realidade e fazer com que todos se envolvam para que esse momento seja especial.

Passo 3: Escolha o tipo de cantata

Uma cantata de Natal pode ser a cappela, play back ou com instrumentos.

A cantata a cappela não precisa de instrumentos para acompanhar os cânticos, uma vez que são apenas as vozes. Nesse tipo de cantata, o coral pode se apresentar em qualquer lugar.

Por outro lado, a cantata pode utilizar play back, que é uma música instrumental gravada para que o coral acompanhe a execução colocando suas próprias vozes. Nessa situação, você vai apenas precisar de um aparelho de som, com a potência suficiente para o espaço onde deseja se apresentar.

Já numa cantata com instrumentos, haverá uma banda tocando ao fundo. Sendo assim, você precisa se preocupar com a adequação do local, por conta dos equipamentos de som e, se necessário, contratar os músicos. Em casos de cantata com instrumentos, a sugestão é que ela seja realizada dentro da igreja.

Passo 4: Distribua as músicas aos integrantes com antecedência e marque ensaios

Uma vez que você escolheu o repertório e o tipo de cantata, escreva ou imprima pautas individuais, conforme o necessário, e distribua aos participantes para eles decorarem as letras. 

Se possível, compartilhe vídeos e links de MP3 na internet com as músicas cantadas por outros corais, para que os membros escutem e aprendam com mais facilidade.

Feito isso, marque alguns dias de ensaio, reunindo todo o grupo antes do dia do espetáculo. Ensaie a cantata e certifique-se de que todas as seções façam uma boa transição. 

Finalmente, se possível, contrate ou responsabilize pessoas para lidar com aspectos técnicos como, por exemplo, luzes e microfones.

Passo 5: Divulgue sua cantata

Por fim, comece por divulgar no mural da sua igreja. Produza panfletos, flyers e cartazes para distribuição e utilize também a internet e as redes sociais para divulgação da sua Cantata de Natal.

Para uma divulgação eficiente, não é necessário gastar muito tempo ou dinheiro, basta saber onde o seu público alvo está e redirecionar suas ações a ele.

A organização de uma Cantata de Natal, independentemente do tipo e tamanho, requer muita atenção e foco. Então, se você puder reunir as principais tarefas e informações em uma plataforma de gestão de eventos, faça da tecnologia a sua maior aliada!

A E-inscrição é a solução ideal para a sua necessidade! Ela é uma plataforma de eventos completa, gratuita e especializada em ajudar igrejas e organizações cristãs do Brasil inteiro.

Você pode utilizar a plataforma da E-inscrição até mesmo se sua Cantata de Natal for um evento aberto e gratuito!

Para isso, a E-inscrição te ajuda a criar um site personalizado da sua cantata e disponibilizar mais informações sobre ela.

Além disso, você pode utilizar a cantata para arrecadar fundos em prol de ações que tornem o Natal mais solidário. Por exemplo, pode-se alcançar pessoas excluídas do convívio social, como moradores de rua, dependentes químicos, pessoas em situação de abandono familiar, e todos que por qualquer motivo não tem a oportunidade de compartilhar uma ceia de Natal e celebrar a vida de Cristo.

Sendo assim, a plataforma de gestão de eventos permite, se sua cantata foi um evento gratuito, controlar o número de inscritos sem nenhum custo, ou cobrar a inscrição, quando necessário, com múltiplas formas de pagamento.

Você também terá disponível questionários de avaliação para saber o que deu certo e o que precisa melhorar para a próxima Cantata de Natal.

Finalmente, lembre-se que planejar um evento significa aprendizado constante!

E então, curtiu nosso artigo? Deixe seu comentário e cadastre na nossa plataforma!

Nós sabemos como ajudar você nessa jornada...

Vem com a gente!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This